Postado: / por Janice Umbudigital / em Blog

Taça das Favelas São Paulo Série B estreia na capital

Nova categoria agita a Vila Guarani que recebe favelas de vários cantos da cidade

Michel Henrique Santos da Graça*

Oficialmente, foram abertos os jogos da Taça das Favelas São Paulo Série B, no último sábado, dia 4 de março. O torneio organizado pela Central Única das Favelas (CUFA) e produzido pela InFavela, estreou sua nova categoria na capital paulista com nove jogos no CE Vila Guarani, Zona Sul, um prato cheio para os amantes futebol e, sobretudo, mais oportunidades de jovens talentos das favelas trilharem carreira no esporte. Todos os jogos, assim como durante toda a Série B, foram válidos pela categoria masculina.

Complexo Jd São Pedro 4 x 2 Favela da Tribo

Para estrear a série B da edição paulista do maior campeonato de futebol entre favelas do mundo, um jogo com seis gols e todos eles no segundo tempo. O Jardim São Pedro abriu o placar com bonita assistência de Victor Hugo, Enzo Gabriel só empurrou para o gol. Em cobrança de escanteio, Willian lançou pra Matheus marcar. O terceiro gol veio de Richard após dividir com goleiro. A Favela da Tribo diminuiu com gol de Kauan após lançamento da esquerda de Kayo Felipe. Felipe da Silva marcou o quarto de São Pedro e finalizou por 4X1 o placar.

Favela Casarão 1 x 2 Parque São José

Pq. São José começa com vitória. O jogo teve um gol de pênalti para cada lado: Caique Lima marcou para o Casarão e Davi Santos para o São José. Kauã Ferreira aproveitou falha defensiva e bateu no gol vazio pra fazer a virada.

Complexo COHAB Juscelino 2 x 2 Complexo Jardim Lapenna

Primeiro empate de 2023 e o jogo teve de tudo. A COHAB Juscelino começou marcando o gol com Rafael Queiroz fazendo de pênalti, o empate do Lapenna veio dos pés de Igor Barreto e Ezequiel. COHAB Juscelino deixou tudo igual faltando 6 minutos para o fim com Marcos Vinicius.

Complexo Cinga Pura Vila Rica 1 x 0 Favela Santa Terezinha

Jogo com poucos gols, muito por causa da qualidade dos goleiros. Marcelo Vinícius fez boas defesas que garantiram a sua favela não sofrer gols na partida. Próximo do fim do jogo, Mateus Pablo converteu o pênalti e garantiu a vitória para da Vila Rica.

Favela Siqueira 1 x 1 Favela do Sapé

Jogo acirrado na Vila Guarani, os dois gols saíram da bola parada. Favela da Siqueira abriu o placar após cobrança de falta do meio campo, Murilo lançou bola para Patrick Barreto fazer. Perto do fim, a Favela do Sapé teve um pênalti a seu favor e não desperdiçou, Ryan Eduardo deixou tudo igual.

Complexo Boca do Lixo 2 x 1 Favela do Mutirão

Com direito a virada no final Boca do Lixo estreia vencendo na Taça das Favelas 2023. A Favela do Mutirão começou na frente, com gol de Eduardo Albert, passando por dentro barreira. Heverton Oliveira igualou no pênalti e perto do fim, João Vitor aproveitou bola sobrando dentro da área para virar.

Favela Morro da Lua 3 x 1 Favela do Tijuco Preto

Com 2 gols de Ítalo em um intervalo de 2 minutos, o Morro da Lua dominou o Tijuco Preto no primeiro tempo, onde se mostrou mais preparado para a partida. Maycon fez o terceiro ainda na primeira etapa. No segundo tempo, o Tijuco Preto se organizou, manteve mais a bola no ataque, mas o seu gol só saiu perto do término do jogo com Kevin Gabriel marcando.

Favela Cidade Nova 1 x 1 Favela 9 de Julho

O jogo mais equilibrado até aqui, tanto o Cidade Nova quanto o 9 de julho tem motivos para se orgulharem. A Cidade Nova inaugurou o marcador com Kaio Gabriel. Já no segundo tempo, a Favela 9 de Julho não desistiu, atacou muito até a defesa adversária falhar e Lucas Soares aproveitar para deixar tudo igual.

Jorge Ogushi 6 x 1 Santo Elias

A maior goleada da Série B até o momento ficou por conta do último jogo do dia. Leonardo Siqueira abriu o placar, Juan Caldeira cobrou a falta rasteira e fez o segundo, Fujita recebeu na área e fez o terceiro, tudo ainda no primeiro tempo. Wallace descontou para o Jd. Santo Elias. Na segunda etapa, o Complexo Jorge Ogushi não parou por aí e fez o quarto gol que foi um golaço, Enzo Zanluchi acertou um chute do meio da rua e encobriu o goleiro. Para completar a goleada, Leonardo Siqueira e Fujita marcaram o seu segundo gol finalizando o placar em 6 a 1.

*Voluntário sob supervisão da assessoria de comunicação da CUFA.

Foto: IDM Produções
Foto: IDM Produções
Foto: IDM Produções
Foto: IDM Produções
Foto: IDM Produções